≡  
01
fev
2016

Segundo post do projeto #seismesessemcompras. Na verdade, o post de hoje comemora o final do meu primeiro mês sem compras. Pra quem não viu o post Tudo o que eu amei e não comprei essa semana #1, a ideia não é fazer desse blog um manifesto radical contra o consumo.

Achei interessante reforçar isso, já que algumas pessoas acharam que eu ia parar de postar os meus achados de moda. De jeito nenhum! Vou continuar indo aos lançamentos e firme nos garimpos pela internet. É mais difícil fazer detox de compras assim, sem dúvida. Mas moda é um assunto que eu amo e não dá pra desconectar disso.

Outra conclusão de janeiro foi que começar um detox de compras no meio da época de liquidações foi e não foi a coisa mais inteligente a se fazer. Por um lado, os descontos poderiam me fazer comprar mais coisas do que eu preciso (vai por mim, não preciso de nada). Por outro, o sofrimento com os preços reduzidos é 100% maior.

Uma das regras desse detox de compras que me ajudou muito no primeiro mês foi não poder repetir combinações de roupas. É impressionante como essa simples atitude te tira da mentalidade do não tenho nada pra vestir, pro não sei o que escolher já que tenho coisas demais, as opções se multiplicam. Algumas pessoas não entederam o espírito, a ideia não é parar de repetir roupas. A ideia é usar determinada blusa com determinada saia apenas uma vez nesses seis meses.

Acha impossível? Experimenta por um mês. A sensação é surpreendente. Você vai perceber que, trinta dias depois, ainda não usou quase nada do que você tem, que é possível fazer combinações incríveis que você nunca havia cogitado. Que aquele vestido que você ama pode virar saia ou blusa. Seja criativa!

Chegamos em fevereiro e a semana do Carnaval vai ser devagar, não devo correr tantos riscos. Pra ajudar ainda mais a manter o foco, estou buscando vídeos e leituras que tratem de consumo. Aproveitando pra me reeducar de verdade. Porque não é só por usar o dinheiro que eu gastaria em roupas em outras coisas, é pensar como cidadã, no impacto do meu consumo. O papo pode parecer chato, mas não é. Esse vídeo, chamado The Rise of Lowsumerism, fala do movimentos do mercado no último século e de como racionalizar a decisão de compra é uma necessidade. Tem só 10 minutos de duração e é muito bem feito. Vale o seu tempo.

Já vou logo avisando que aqui não tem espaço pra radicalismos. Só vou incentivar a reflexão. Em julho, espero voltar a consumir com mais sabedoria, não pretendo parar de comprar.

Vamos os looks desse última semana, lembrando que eles são postados diariamente no perfil do Trinta e Poucos no Instagram, @blogtrintaepoucos:

- Segunda-Feira


Colar Espaço Fashion / Regata Maria Filó / Bolsa Marc by Marc Jacobs / Saia Forever 21 / Sapatilhas Ana Capri

- Terça- Feira


Camiseta Maria Filó / Saia Leeloo / Bolsa Marc by Marc Jacobs / Tênis Superga
Pipoca e Coca-Cola do rapaz que vende na porta do cinema, porque ninguém merece pagar R$ 9,00 numa pipoca pequena. Paguei R$ 9,50 na pipoca média e na Coca-Cola.

- Quarta-Feira


Regata Forever 21 / Lenço usado como saia Adriana Barra para C&A

OBS: A regra de não repetir combinações vem sendo utilizada até nos dias em que eu não saio de casa.. Essa foto meio tosca sem maquiagem foi da roupa que eu usei pra trabalhar em home office. Deixei a pele respirar e trouxe um pouco de realidade nua e crua pra esse post.

- Quinta-Feira


Brincos Forever 21 / Camiseta Forever 21 / Saia Zara / Bolsa Schutz / Sapatilhas Ana Capri

- Sexta-Feira


Argolas Forever 21 / Óculos RayBan / Vestido FARM / Bolsa da feirinha de BH / Alpargatas Via Mia

- Sábado


Óculos RayBan / Vestido Forever 21 / Bolsa da feirinha de BH / Rasteiras Ateen para C&A

- Domingo

Camiseta FARM / Short-saia Forever 21

E aí, qual foi o look favorito de vocês? Não esqueçam que na quarta-feira tem post mostrando tudo o que eu amei e não comprei na última semana, hein?!

Comentários

Nenhum comentário foi publicado para este post. Seja o primeiro a comentar...

Instagram