≡  
25
jan
2016

Ainda não publiquei minha lista de metas pra 2016, na verdade, ela ainda está em construção. Só que uma das resoluções de ano novo foi ficar sem comprar roupas e acessórios pelos próximos seis meses, projeto que eu vou dividir com vocês a partir de hoje.

Vocês acompanharam por aqui o meu processo de limpeza e organização, usando a técnica da Marie Kondo, a KonMari. Só que, depois de todo esse esforço, fechei 2015 com o armário cheio novamente e com muito mais peças do que eu preciso. O tempo que eu fico sem usar várias peças me assusta. 

Não é a primeira vez que corto as compras da dieta. Já passei quatro meses sem compras e achei que foi um período enriquecedor. Quando passa, você fica mais criteriosa pra comprar qualquer coisa... Até que volta a ser o que era e exagera de novo. Eu ainda não tinha seguido esse projeto #compraszero desde que comecei com o blog, tenho certeza de que vai ser bem mais difícil.

Não, não vou deixar de compartilhar os meus achados, nem de cobrir as minhas amadas parcerias das fast fashions. Só não vou comprar nada, nadinha, até 30 de junho. Aí, você vai me perguntar o motivo. Não, não estou endividada. Sou bem boa em gestão financeira e adoro estudar o assunto. Até dei umas dicas nesse post aqui. O motivo é que a graça dessa vida é poder escolher, priorizar. 

Alcançar objetivos que parecem gigantes só é possível quando você vai fazendo todo o possível diariamente. Parece frase de autoajuda, só que eu juro que funciona. E, depois de um 2015 desafiador, muito triste e muito feliz, eu decidi que 2016 vai ser um ano incrível. Não sei o que a vida me reserva, mas eu tô comprometida em fazer a minha parte.

Das metas que eu já defini pra esse ano, muitas envolvem dinheiro. E, em alguns momentos da vida, comprar passa a não ser tão importante assim. E daí se aquele vestido perfeito acabar? Vai por mim, logo, logo, você vai achar outra coisa "imperdível" pra desejar. Uma das principais lições da primeira vez que parei de comprar é que a gente esquece. Aquela saia que você não vai conseguir viver sem, de repente, some da cabeça. E virão outras, muitas.

E se não sair da cabeça? Bom, aí passou no teste da paixão e virou amor. Compre. Ou não compre e veja o seu dinheiro se transformar em cursos, viagens, experiências, projetos de vida. O bom da vida é ter escolha, vai por mim. Pra dar uma graça nesse período, eu sempre coloco regras. Tudo na minha vida tem que virar uma lista...

1 - Não repetirás combinações de roupa

Sério, essa é a parte mais bacana do projeto. Se desafiar a olhar tudo o que você tem de outras maneiras vai mudar a sua relação com as suas roupas. Uma vez eu segui essa regra e o resultado foram quatro meses de novas produções. Fotografar todos os looks vai ajudar muito, já que é uma forma de gravar que aquela combinação já foi usada. E vira um registro incrível da sua criatividade e dos tesouros que você já possui. Vão rolar produções bizarras, mas diferentes. Vai gerar movimento e mudar a energia do armário. Tenta e me conta.

2 - Poderás comprar itens necessários

Tudo aquilo que não puder mais ser usado e não tiver peça equivalente poderá ser reposto. A não ser que o item possa ser reparado de alguma forma. Nessa caso, não tem desculpa, continuarei sem comprar. 

3 - Divulgarás as fotos no blog e no Instagram

Pra mostrar o meu comprometimento com o projeto e compartilhar as minhas ideias, os looks serão compartilhados diariamente no perfil do blog no Instagram, @blogtrintaepoucos e num post semanal aqui no blog. 

É isso, gente, o projeto começou pra mim no dia 1º de janeiro e cheguei a incríveis vinte e quatro dias sem novas aquisições. É claro que esse projeto está ligado a metas muito importantes do meu ano, que serão reveladas assim que eu começar a colocá-las em prática. O que dá pra dizer agora, é que elas vão trazer muito conteúdo bacana pra esse espaço. 

Vamos aos looks que eu fotografei ao longo desses vinte dias de 2016?

Óculos RayBan / Vestido FARM / Sapatilhas Leeloo / Bolsa Marc by Marc Jacobs

Brincos Via Mia / Camisa Forever 21 / Bolsa Forever 21/ Saia FARM / Rasteiras Ateen para C&A

Regata Maria Filó / Saia Maria Filó / Clutch Maria Filó / Plataforma Adriana Barra para C&A

Colar Forever 21 / Casaco Mixed para C&A / Blusa Mixed para C&A / Calça Seven for all mankind / Sapatilhas Ana Capri / Bolsa Longchamp

Brincos Forever 21 / Vestido Forever 21 / Bolsa Longchamp / Plataforma Adriana Barra para C&A

Camisa Mixed para C&A / Bolsa Longchamp / Short Maria Filó / Tênis Adidas Stan Smith 

Pulseiras da Feira de Artesanato de BH / Jaqueta Eclectic / Blusa Forever 21 / Saia FARM / Bolsa Marc by Marc Jacobs / Tênis Osklen 

Blazer Zara / Colar Forever 21 / Camiseta Wollner / Calça EBay / Sapatilha Ana Capri / Bolsa Schutz

Parka jeans Isabela Capeto para C&A / Camiseta Leeloo / Short Maria Filó / Sapato Arezzo / Bolsa Gucci

Camisa Forever 21 / Camiseta Leeloo / Calça American Eagle / Tênis Adidas Stan Smith / Bolsa Marc by Marc Jacobs

Jaqueta Eclectic / Camiseta Forever 21 / Saia Leeloo/ Bolsa Gucci / Botas Mr. Cat

Jaqueta Old Nay / Camiseta Zara / Calça Forever 21 / Bolsa Kate Spade / Sapatilhas Ana Capri

Camiseta Wollner / Bolsa Adô Atelier / Saia Abercrombie & Fitch / Jaqueta Forever 21/ Sapatilhas Via Mia

Comentários

Nenhum comentário foi publicado para este post. Seja o primeiro a comentar...

Instagram