≡  
12
nov
2015

O post de hoje não vai ser o que eu planejava. A ideia era acompanhar o lançamento da coleção da Mixed na loja virtual da C&A e, já tendo uma ideia dos tecidos, poder fazer uma pré-resenha bacana da coleção. Só que o lançamento não aconteceu. Acredito que pela quantidade de peças da coleção do Matthew Williamson nas lojas e a proximidade dos lançamentos, separados por apenas 15 dias, a fast fashion resolveu começar as vendas nas lojas físicas e na loja virtual no mesmo dia, 17 de novembro (próxima terça-feira).

Sendo assim, resolvi mostrar as peças que eu mais quero ver de perto e as minhas expectativas pra essa nova parceria da Mixed.

Olha, a C&A parece ter ouvido as minhas preces ao fazer uma coleção com menos estampas e mais peças básicas com a cara das marcas que assinam as coleções especiais. Amei especialmente as peças jeans. Acho difícil a qualidade ser ruim nesses casos e os preços estão super ok, não acharam? Essa blusa de um tecido que lembra um couro recortado é linda. Só que dois fatores provavelmente me impedirão de comprá-la: material e lavagem. Com certeza ela não é feita de couro. Ainda assim, não deve ser possível lavá-la. Com esse calor do Rio de Janeiro, não rola. Ah, por não ser couro, ela provavelmente vai descascar. Não devo apostar nela. Amei tudo de poás. Estou rezando pro material ser viscose, mas pelo preço, é poliéster. Pra fechar, a blusa de botão sem mangas. MUITO ansiosa pra saber o material e experimentá-la.

Esses macaquinhos são maravilhosos!! O sem manga foi feito em off white também. O casaquinho é uma belezinha necessária. Deve ser de um material fininho, terceira peça ideal pro calor do Rio. As camisetas são fofas demais. Só que devo priorizar as outras peças. Pelos valores, estão valendo mais a pena.

Então, as calças são um capítulo à parte. Absolutamente incríveis. A Mixed sempre foi referência em jeans e em alfaiataria. Tô rezando pra ficarem boas em mim. Essa skinny clara está com um preço ótimo. Ela também foi feita em preto.

Resumindo, achei q coleção muito usável. As estampas são discretas, o que é sensacional pra esse tipo de coleção. Marca menos e quem tem medo de encontrar alguém com a mesma roupa nos lugares não deverá se preocupar tanto. As minhas únicas críticas são:

1) Que coleção pequena é essa, Brasil? São só 60 peças. Queria mais...

2) Detestei os acessórios. Raras são as coleções especiais que conseguem oferecer acessórios de qualidade e que tenham a cara da marca. Pelo brilho e pelo preço, acredito que as sandálias não sejam de couro. A clutch estilo Bottega Veneta está batida demais. Toda collection tem uma. A última, do Matthew Williamson, teve. Cadê a assinatura da marca? Amo borboletas, no entanto, achei que elas deram um ar infantil às peças. A sandália me lembrou as sandálias da Xuxa, da época em que eu era criança.

Bom, agora é esperar até terça-feira. Vou fazer aquele post completo, provando todas as peças que eu conseguir, ok?

E aí, estão animadas? Quais foram as peças favoritas de vocês?

Comentários

Nenhum comentário foi publicado para este post. Seja o primeiro a comentar...

Instagram