≡  
26
jun
2015

Mais um filme assistido. Só que, nesse caso, não ficamos muito felizes com a nossa escolha...

Sinopse: Agatha Weiss (Mia Wasikowska) acabou de chegar a Los Angeles e logo conhece Jerome Fontana (Robert Pattinson), um jovem motorista de limusine que sonha se tornar ator. Eles começam a sair juntos e flertar um com o outro, por mais que Agatha mantenha segredo sobre seu passado. Não demora muito para que ela comece a trabalhar para Havana Segrand (Julianne Moore), uma atriz decadente que está desesperada para conseguir o papel principal da refilmagem de um sucesso estrelado por sua mãe, décadas atrás. Paralelamente, o garoto Benjie Weiss (Evan Bird) enfrenta problemas ao lidar com seu novo colega de elenco, já que é a estrela principal de uma série de TV de relativo sucesso. Entretanto, como esteve internado recentemente, está sob a atenção especial de sua mãe (Olivia Williams) e dos produtores da série, que temem um escândalo.

Olha, vou ser muito sincera, a ideia desse blog é mostrar a minha opinião honesta sobre diversos temas e produtos. Não tenho a menor intenção de detonar nada nem ninguém gratuitamente. Só que achei esse filme tão caído, tão estranho, que resolvi lançar esse alerta. Vamos começar pela parte boa, as atuações. Robert Pattinson finalmente se livrou do Edward, da saga "Crepúsculo", e está ótimo na pele do aspirante a ator, que trabalha como motorista enquanto não emplaca na profissão. Mia Wasikowska ainda me parece ter o tom sombrio de "Alice no país das maravilhas". John Cusack está com um rosto estranhíssimo, parece estar usando uma máscara. Apesar disso, adorei a sua atuação. Já a maravilhosa Juliane Moore rouba todas as cenas em que aparece. Aos 54 anos, ela arrasa de lingerie e roupas transparentes. Musa!! Ela está se tornando uma nova Meryl Streep pra mim, fazendo filmes ruins valerem a pena por sua atuação. Acho bacana o tema do filme e acredito que muitas das cenas devam ser inspiradas em histórias reais dos bastidores de Hollywood. Aspirantes a atores que topam qualquer coisa para subir; jovens estrelas que recorrem às drogas, por não saberem lidar com a fama; pessoas que montam uma vida pública "perfeita" para lucrar, arriscando tudo para manter a imagem; e a decadente estrela, desesperada por um bom papel. O filme me prendeu até o final, mas não deixou uma sensação boa. O filme tem inúmeras cenas pesadas, achei bizarro, não curti. Pode não ser o meu tipo de filme, sei lá.

Alguém já viu?? Comenta aqui!

Comentários

Nenhum comentário foi publicado para este post. Seja o primeiro a comentar...

Instagram